domingo, 29 de março de 2009

Mais uma vez, no passado sábado, dia 28 de Março, o Theatro Circo de Braga foi pequeno para receber tantos aficionados do fado. Durante quase 4 horas, ninguém arredou pé para ver alguns dos melhores intérpretes da Canção Coimbrã.

A cidade de Braga mereceu um espectáculo desta qualidade. Os bracarenses aceitaram o convite e honraram os 80 artistas com o respeito e admiração pela Canção Coimbrã.

O espectáculo foi bastante diversificado nas várias vertentes deste estilo musical e superiormente apresentado por Sansão Coelho, jornalista e locutor de rádio da RDP... é uma autêntica "enciclopédia" da Canção Coimbrã.

O espectáculo teve início com o Juiz Conselheiro do Supremo Tribunal de Justiça Custódio Montes e Dr. Gomes Alves, acompanhados pelos instrumentistas do Grupo de Fados e Serenatas da Uni. Minho. O Grupo de Fados da Associação dos Antigos Estudantes da Univ. Coimbra em Braga esteve também presente, interpretando alguns temas clássicos da Canção de Coimbra.

O Coro dos Antigos Orfeonistas da Uni. Coimbra não desiludiu e à semelhança do ano passado impressionou com o seu conjunto de vozes perfeitamente coordenadas. Aproveitou esta ocasião para atribuir o título de sócio honorário a Luiz Goes, pelo seu contributo ao Fado de Coimbra.

O Grupo Serenata de Coimbra veio mais uma vez de Lisboa, para abrilhantar a noite com alguns temas que marcaram a história da Canção Coimbrã.

O Prof. Doutor Jorge Tuna, acompanhado por Durval Moreirinhas "deu uma lição" de mestria à guitarra portuguesa, interpretando 3 temas da sua autoria.

O antigo presidente da Assembleia da República: António Almeida Santos, esteve também presente e interpretou dois temas, recordando seus tempos de estudante e compositor musical.

Os anfitriões do espectáculo, o Grupo de Fados e Serenatas da Univ. Minho, encerraram a noite, com uma actuação sóbria e de uma qualidade sólida. De ano para ano, este Grupo apresenta notórias evoluções, sendo o seu objectivo tornar-se uma referência nacional na Canção Coimbrã.

Uma palavra sincera de agradecimento a todos as entidades que apoiaram a organização do espectáculo e a toda a equipa técnica do Theatro Circo que com paciência e profissionalismo esteve à altura da qualidade do espectáculo.

Para o próximo ano, os organizadores esperam poder contar novamente com o apoio de todos e voltar a proporcionar uma noite mágica aos bracarenses.
Até breve.
Sugira o CAF a um amigo(a), enviando o seu enderço para aficionadosdofado@gmail.com
Clube Aficionados do Fado do Grupo de Fados e Serenatas da Universidade do Minho
Telemóvel: 960 001 282

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial